Dicas de Vestibular

Arquivo : leitura

Língua Inglesa e leitura: dicas para ir bem nos vestibulares
Comentários Comente

Dicas de Vestibular

O aprendizado de qualquer língua estrangeira requer tempo e dedicação. Quanto maior tiver sido o contato do vestibulando com essa língua, maior será sua base para resolver os exames. Visto que a maioria dos grandes vestibulares exige principalmente (às vezes, somente) compreensão de texto, é nisto que os candidatos devem focar seus estudos: leitura, compreensão e aquisição de vocabulário. Ainda assim, o conhecimento de regras gramaticais não deve ser subestimado, pois contribui para a boa compreensão dos textos.

Primordialmente, os alunos e alunas devem desenvolver o hábito da leitura atenta, que esmiúça/analisa o texto, buscando compreender as relações estabelecidas entre as ideias expressas e identificar as informações relevantes, bem como as pessoas da comunicação (enunciador e interlocutor). A associação entre texto verbal e não verbal também é algo importante a se desenvolver, uma vez que são comuns, nos vestibulares, questões baseadas em cartazes publicitários, tirinhas, charges, infográficos, etc. Recomendamos que os alunos, em suas leituras, explorem os diferentes gêneros textuais (textos jornalísticos, científicos, publicitários, músicas, poemas, tirinhas, etc.).

Há também estratégias que podem ser de grande ajuda na hora de fazer a prova: quando os enunciados e as alternativas das questões não são muito longos, vale a pena lê-los antes mesmo de iniciar a leitura do texto correspondente. Dessa forma, o candidato pode ficar mais atento à informação que será cobrada no exercício. O aluno que lê o texto grifando os trechos importantes e relevantes, que identifica as ideias predominantes em cada parágrafo e no texto como um todo (até o título é de grande ajuda), ganha agilidade para responder às questões – e o tempo é um fator fundamental a ser administrado ao longo de toda a prova. É fundamental também que o candidato preste muita atenção ao que é pedido no enunciado de cada questão e volte a ele quando em dúvida quanto à resposta mais adequada (situação comum nos exames do Enem). Ainda, deve-se ter em mente que as respostas quase sempre estarão no corpo do texto. Portanto, é preciso ater-se ao que está presente nele, ainda mais quando a questão se refere a um determinado parágrafo, trecho ou expressão. Vale, para tanto, utilizar os termos ou dados mencionados no enunciado como referência para buscar a resposta no texto. É recomendável também evitar respostas baseadas no próprio conhecimento de mundo ou opinião (por mais que possam ser considerados corretos ou válidos) se esses não estiverem contemplados no texto em questão.

Bons estudos e boas provas!


Dicas para estudar inglês de forma descontraída nas férias
Comentários Comente

Dicas de Vestibular

O tempo em que você estará de férias tem que ser bem aproveitado, não acha? Descansar, claro, está entre as suas prioridades. Afinal de contas, você teve um semestre atribulado e o que vem por aí não vai ser nada fácil. Quando menos esperar, as provas de vestibulares e o Enem estão chegando. Portanto, além do merecido descanso, vale a pena manter um pouco do ritmo que você conseguiu adotar até aqui.

Manter o ritmo, ainda que com mais calma, é extremamente importante. Com relação à Língua Estrangeira-Inglês algumas coisas podem ser feitas para não perder o que se conquistou. Siga estas instruções:

Ler – tente ler artigos na internet que o(a) atraiam. Ao fazer isso, não se prenda a vocábulos que porventura não conhecer. Tente ler o texto todo e retirar as informações que achar pertinentes. Sites como o washingtonpost.com, scientificamerican.com, economist.com e nature.com sempre trazem temas interessantes, importantes e de grande incidência nos exames.

Rever – aproveite para rever o que foi aprendido durante o semestre. Releia os textos que foram propostos, refaça os exercícios. Dessa forma, você entrará no segundo semestre com uma bagagem maior e isso poderá ajudá-lo(la) muito.

Ouvir – Ouça músicas de que você gosta e tente entender o que é cantado. Caso tenha dificuldade, entre no youtube, escreva o nome da música, seguido da palavra lyrics (letra). Isso pode ajudar. Ouvir música é uma boa ajuda no aprendizado de língua.

Assistir – Assista a filmes americanos, ingleses, australianos de preferência sem legendas. Uma dica importante: ponha as legendas também em inglês. Assistir a filmes fará com que você mantenha contato com a língua.

Falar – Tente entrar em contato com pessoas falantes do inglês. Você pode usar a internet para isso, através das redes sociais. Não tenha medo! Caso nunca tenha tido tal experiência, você talvez “sofra” no início, mas logo perceberá que já está bem melhor. Falar é imprescindível para um bom aprendizado da língua.

Seguindo as orientações, você certamente estará bem melhor para encarar o próximo semestre. Aprender inglês não deve ser um fardo. Você tem que aprender a partir de coisas que o fazem bem. Pouco a pouco, quando menos perceber, já terá dado um “salto” enorme.

No mais, caro(a) estudante, aproveite as férias. Relaxe, descanse, aproveite para fazer coisas de que gosta. Lembre: o próximo semestre não será fácil…

Abraço e boas férias.


A importância da leitura de jornais na reta final
Comentários Comente

Dicas de Vestibular

*Por Armênio Uzunian

A man reads a newspaper by the wall.

Muitos vestibulares e, mesmo o Enem, cobrarão nas próximas semanas a capacidade de leitura e interpretação de textos. E, é claro, cobrarão, também, a capacidade de redação, sobretudo de questões discursivas. O pré-requisito para saber escrever é: saber ler e saber interpretar o que se está lendo. Claro que essa capacidade é adquirida ao longo dos anos. No entanto, é possível adquiri-la de imediato, em curto prazo, recorrendo, por exemplo, à leitura de jornais diários, na forma impressa. Hoje, em função da necessidade que o jornal tem de saída e liberação rápida dos textos diários, alguns erros acabam sendo cometidos, como falta de palavras, duplicação de palavras, falta de vírgula, falha de concordância verbal e inversão de dados em gráficos, tabelas e esquemas.

Se o estudante adquirir o hábito da leitura atenta de textos impressos em jornais diários, é certo que, ao longo de um curto espaço de tempo aprenderá a reconhecer erros. E, como consequência, aprenderá a redigir textos de questões discursivas e de provas de redação. Ao redigir os textos, o estudante precisa, inicialmente, fazer o que denominamos de “rascunho” prévio, contendo aquilo que é solicitado na prova de redação e nas questões discursivas.

Se assim o candidato proceder, garante-se a boa qualidade de redação e o reconhecimento de erros, que poderão ser prontamente corrigidos, antes de se entregar a prova, com a redação ou as questões finalizadas.

Entrar em uma boa faculdade e fazer a prova do Enem exige, do estudante, boa capacidade de leitura, interpretação do que se lê, além de excelente capacidade de redação. Essa habilidade pode ser adquirida, não custa repetir, por meio do hábito da leitura diária de textos jornalísticos.

Essa prática dá certo. Que tal começar hoje? O beneficiado maior será você, que, certamente, se assim proceder, fará uma boa prova de vestibular e do Enem. E acabará ficando pronto para entrar em uma excelente Universidade ou Faculdade.

armenio_uzunian


< Anterior | Voltar à página inicial | Próximo>